Homem que matou esposa e confessou crime é preso preventivamente em Camaquã

Polícia Civil

camaquãA Delegacia de Polícia de Camaquã cumpriu, nesta manhã de quarta-feira (31), o mandado de prisão preventiva contra o autor confesso do assassinato de Cristina Cleuzi Varreira, de 44 anos, que estava desaparecida há 10 dias, em Camaquã.

Na última sexta-feira (26), familiares informaram que o companheiro havia confessado o crime e, identificou o local onde o corpo da esposa se encontrava oculto, na localidade do Banhado do Colégio, interior do município.

O caso é conduzido pela delegada de Polícia, Vivian Sander Duarte que, expediu junto com a Justiça a ordem de prisão preventiva, executada na manha de hoje.

O esposo da vítima, I.H.T, tem 42 anos e figura, agora como o autor confesso do crime de feminicídio e da ocultação de cadáver.

O companheiro de Cristina foi interrogado ainda na semana anterior, quando à delegada deu detalhes do crime e do local onde escondeu o corpo.

O crime ocorreu no dia (17/10) e localizado na última sexta-feira (26).

Por fim, destacou que usou uma faca, que atingira a altura do abdômen; após ter tido com ela uma discussão com a vítima.  

Tags: DPPA Camaquã, Feminicídio, online, Polícia Civil, Tapes

Enviar comentário

voltar para Camaquã

left normalcase show fsN tsN fwR|left tsN fwB b03s bsd|left fwR show tsN center|c05||image-wrap|login news b01 fwB tsN fwR tsY c10 bsd|normalcase tsN c05 sbss|normalcase c10|login news b01 normalcase c05 c10 bsd|tsN normalcase c05 sbss|signup|content-inner||