​Secretaria da Saúde esclarece sobre ações para serviços em pequenos hospitais

Texto: Angela Bortolotto/Ascom Casa Civil/Edição: Léa Aragón/Secom

governoEm reunião na tarde desta terça-feira (5), no Palácio Piratini, o secretário da Saúde, Francisco Paz, fez um esclarecimento ao presidente da Famurs, Salmo Dias de Oliveira, sobre as políticas de ampliação de serviços em pequenos hospitais do interior do estado.

O chefe da Casa Civil, Cleber Benvegnú, o governo do Estado e a Secretaria da Saúde buscam alternativas que viabilizem o funcionamento de todas as pequenas instituições hospitalares gaúchas. 

A primeira alternativa é que essas entidades possam prestar seus serviços como unidades de Pronto Atendimento de Urgência.

Neste modelo, cada hospital pode receber do Estado R$ 25 mil fixos por mês, por intermédio do município, mais a produção dos serviços executados.

Neste caso, os hospitais passam a ter alvará sanitário apenas para atendimento de urgência e emergência, e não para internação. 

A segunda alternativa, segundo explicou Francisco Paz, é direcionar o hospital para um atendimento especializado ou clínico. Com isso, houve uma alteração no decreto sanitário estadual permitindo que hospitais que tenham um projeto específico para atender situações especializadas possam receber o alvará sanitário e, consequentemente, serem contratados pelo Estado. 

Com essas duas alternativas, todos os pequenos hospitais são contemplados com soluções para continuar funcionando adequadamente. Outra informação repassada pelo secretário é que hoje não há nenhum hospital com situação de atraso de pagamentos. "Todos os pequenos hospitais estão com seus pagamentos em dia, com a possibilidade de atualizar alvarás e fechar contratos de acordo com a legislação vigente".

O secretário esclareceu ainda que não há nenhum interesse do governo do Estado no fechamento dessas unidades, como vem sendo divulgado em algumas cidades. "Queremos que eles tenham condição de produção que dê sustentabilidade ao funcionamento, qualificando o atendimento e ampliando os recursos repassados pelo Tesouro estadual".

 

Tags: Governo do RS, Hospitais, online, Secretaria da Saúde, Tapes

Enviar comentário

voltar para Coluna Vc Réporter

left normalcase show fsN tsN fwR|left tsN fwB b03s bsd|left fwR show tsN center|c05||image-wrap|login news b01 fwB tsN fwR tsY c10 bsd|normalcase tsN c05 sbss|normalcase c10|login news b01 normalcase c05 c10 bsd|tsN normalcase c05 sbss|signup|content-inner||