Curso de culinária a base da farinha de arroz conquista alunos e aguça o paladar

Publicado por bira costa em 07/12/2018 às 14h44

Senar e Sindicato Rural de Tapes desenvolveram o curso que apresentou alimentos com maior valor nutricional, podendo incorporar à culinária diária com mais saúde e economia

Redação Online

cursoAprimorar técnicas, desenvolvendo o conhecimento com vistas ao bem-estar e à saúde, sobretudo gerando renda foram os verdadeiros ingredientes que permearam o curso de Produção de Alimentos à Base da Farinha de Arroz, realizado junto ao Mercado Público Municipal, nos dias (6) e (7), deste mês, uma promoção do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar) e do Sindicato Rural de Tapes e de Sentinela do Sul (SRT).

Participaram 12 mulheres, que aprimoraram, muitas, aquela receitinha caseira de um pãozinho, bolacha, massa caseira, agora, com um sabor todo especial e muito mais nutritivo.

Segundo a monitora do curso, o 13º do módulo, Marjana Favin, tanto para quem possuía algum conhecimento, bem como estava pela primeira vez aprendendo o manuseio da farinha de arroz como ingrediente principal de uma receita, conseguiu criar alimentos saborosos, por meio das técnicas compartilhadas nas 16h/aula de formação.

“Mesmo quem não tinha alguma experiência no uso da farinha de arroz nos alimentos, através das técnicas em aula, soube aplicar, com pequenas diferenças habituais da farinha de trigo, na hora de criar alimentos mais consistentes, como massas e outros”, referiu a monitora.

curso

As alunas criaram pães, bolachas, cupcakes, pastéis doces e salgados, massas, outros, todos com a farinha de arroz, o quê, de acordo com Marjana, trouxe mais valor nutricional ao paladar.

“Com a farinha de arroz, além do aspecto nutricional, a digestão é mais leve, acima de tudo traz um bem à saúde, combatendo sintomas como o aumento do colesterol e o triglicerídeo”, explica.

Receitas práticas, fáceis e saborosas

Para a presidente da Associação da Agricultura Familiar em Tapes, Lenira dos Santos Gimenez, de 69 anos, nem mesmo o seu vasto conhecimento como produtora rural, dominando algumas receitas culinárias, foi motivo para não aprender.

“Em nossa associação sempre buscamos atrair esse tipo de formação, em face dos benefícios que trazem no quesito saúde.

cursoQuem necessita deste tipo de alimento nutricional, em face da intolerância ao glúten, por exemplo, terá vantagens econômicas e no paladar”, considerou, Lenira Gimenez.

Já a moradora da Barra do Ribeiro, Giselda Gross Souza, de 54 anos, a formação foi “excelente”.

“Não conhecia esta culinária à base da farinha de arroz, mas ví que para a saúde, especial em casa será muito bem-vinda, pois meu marido tem diabetes”, propondo-se a usar, agora, com mais frequência as receitas ensinadas no curso.

curso

A formação técnica e profissional deste curso teve por objetivo o de qualificar a mão de obra local, sobretudo, valorizando a farinha do arroz como alimento saudável na cozinha, bem como faz parte da nova política de gestão do trabalho do SRT, sob a presidência de Genésio Ambos Moraes, visando 2019.

 

Categoria: Geral
Tags: Genésio Ambos Moraes, online, Senar, Sindicato Rural de Tapes, Tapes

Enviar comentário

voltar para Notícias

left normalcase show fsN tsN fwR|left tsN fwB b03s bsd|left fwR show tsN center|c05||image-wrap|login news b01 fwB tsN fwR tsY c10 bsd|normalcase tsN c05 sbss|normalcase c10|login news b01 normalcase c05 c10 bsd|tsN normalcase c05 sbss|signup|content-inner||