Governo federal libera R$ 240 milhões para conclusão da segunda ponte do Guaíba

Publicado por bira costa em 24/11/2017 às 20h02

Fonte: Texto: Mirella Poyastro/Secom/Edição: Sílvia Lago/Secom/Fotos: Luiz Chaves e karine Viana/Piratini

governoO ministro dos Transportes, Portos e Aviação Civil, Maurício Quintella Lessa, anunciou, na manhã desta sexta-feira (24), a liberação de R$ 240 milhões para a conclusão das obras da segunda ponte do Guaíba.

A declaração foi feita depois de vistoria e visita técnica aos dois canteiros de obras.

O valor é suficiente para finalizar 85% da construção. No entanto, Quintella garantiu que “a ponte é uma prioridade do Programa Avança. Todo o recurso está garantido para a conclusão da obra até o final de 2018.

Não faltará recurso. A liberação vai depender da performance da empresa (a construtora Queiroz Galvão)”, afirmou o ministro. Quintella assegurou que, com esse montante, “o empreendimento voltará a atingir seu pico, gerando 850 empregos diretos”.

Iniciada em outubro de 2014, a construção da segunda ponte do Guaíba está com 55% da obra executada.

De acordo com o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), até agora já foram investidos R$ 412 milhões do total orçado de R$ 757 milhões.

A nova ponte terá extensão de 2,7 quilômetros (com ligações complementares, poderá chegar a 3,5 quilômetros) de pista dupla e duas faixas de tráfego em cada sentido, com fluxo previsto de até 50 mil veículos por dia.

O governador José Ivo Sartori saudou o anúncio. “A segunda ponte do Guaíba é mais uma obra que sem dúvida vai causar impactos positivos na infraestrutura do Rio Grande do Sul. Vai ampliar a interligação da Região Metropolitana de Porto Alegre com o Sul do estado e desafogar o tráfego.

De nossa parte, seguimos à disposição para auxiliar no que nos cabe. Em agosto, transferimos áreas da extinta Companhia de Habitação do Estado (Cohab) ao Dnit para a construção das alças de acesso à ponte”, relatou Sartori. governo

Programa Avança no RS

Quintella ressaltou, ainda, que o Ministério dos Transportes tem uma carteira de obras contratadas no Rio Grande do Sul de R$ 7 bilhões.

Dentro do Programa Avançar, são sete projetos na área de infraestrutura: a duplicação das rodovias BR-392, BR-116, BR-386 (Tabaí-Estrela) e BR-290; a travessia de Santa Maria na BR-158; a segunda ponte do Guaíba; o aeroporto de Passo Fundo; e o novo cais público do Porto do Rio Grande, que será inaugurado no próximo dia 7 de dezembro, segundo Quintella, com a presença do presidente da República, Michel Temer.

Também participaram do anúncio os ministro da Secretaria-Geral da Presidência da República e coordenador do Programa Avança, Moreira Franco; Eliseu Padilha (Casa Civil) e Ronaldo Nogueira (Trabalho); o vice-governador José Paulo Cairoli; secretários de Estado; e deputados federais e estaduais.

Moreira Franco ressaltou que o anúncio desta sexta-feira foi a primeira manifestação do governo federal de restabelecimento da capacidade de investimento. “Aqui, é anunciada, de maneira formal, a primeira liberação dentro de um cronograma que se seguirá, porque o governo se organizou para apresentar um programa de investimento, geração de emprego, melhoria da infraestrutura e de qualidade do país”, declarou.

Categoria: Economia
Tags: Governo Federal, Nova Ponte do Guaíba, online, Sartori, Tapes

Enviar comentário

voltar para Notícias

left normalcase show fsN tsN fwR|left tsN fwB b03s bsd|left fwR show tsN center|c05||image-wrap|login news b01 fwB tsN fwR tsY c10 bsd|normalcase tsN c05 sbss|normalcase c10|login news b01 normalcase c05 c10 bsd|tsN normalcase c05 sbss|signup|content-inner||