Parcelamento de salários de servidores e professores resulta em paralisações das aulas em Tapes

Publicado por bira costa em 02/08/2017 às 13h59

Redação Online/foto: divulgação/Escola Patrício

professores

Em face de mais um parcelamento de salários deste mês de agosto, da classe dos funcionários públicos estaduais, na área do magistério, mesmo assim, nem todas as escolas da rede pública estadual  do município de Tapes aderiram a paralisação desta semana.

Diretores e professores confirmaram, por fim, que na sexta-feira (4), irão participar da Assembleia Geral do CPERGS.

Todavia, garantiram que as aulas nas escolas que estão paralisadas, retornam na próxima segunda-feira (7).

O Portal Online Comunicações apurou com as cinco escolas da rede pública estadual, o quadro atual de cada uma, conforme segue:

*Escola Patrício Vieira Rodrigues: 95% de adesão. Apenas quatro professores e dois servidores, mais a direção, atua na escola;

*Escola Miguel Nunes Rebello (Balneário): todos os professores paralisaram, turnos manhã e tarde;

* Escola Nsa Sra do Carmo (Ginásio): 95% de adesão, mas dois professores seguem ministrando aulas;

*CIEP: não aderiu a paralisação, apenas dois docentes, segue tudo normal;

*Escola Vicentina de Souza Bastos: segue normais as aulas, sem previsão de paralisar.

Categoria: Educação & Cultura
Tags: Governo do Estado, Greve do Magistério, online, Professores Estaduais, Tapes

Enviar comentário

voltar para Notícias

left normalcase show fsN tsN fwR|left tsN fwB b03s bsd|left fwR show tsN center|c05||image-wrap|login news b01 fwB tsN fwR tsY c10 bsd|normalcase tsN c05 sbss|normalcase c10|login news b01 normalcase c05 c10 bsd|tsN normalcase c05 sbss|signup|content-inner||