Polícia Civil de Tapes e Brigada fazem a maior apreensão de drogas da cidade, mais de R$ 100 mil

Publicado por bira costa em 04/01/2019 às 23h09

Entorpecentes estavam numa propriedade rural na rodovia. Ação faz parte da continuidade da operação “Manos J”

Redação Online/fotos: Bira Costa

políciaA Polícia Civil de Tapes em conjunto com policiais da Operação Golfinho aprendeu nesta noite de sexta-feira (4), mais de R$ 100 mil em drogas, numa propriedade rural do município.

Esta ação policial faz parte da continuação da Operação “Manos J”, a qual no último dia (28) de dezembro, efetuou a prisão de sete pessoas envolvidas com diversos crimes na cidade e região.

Mediante ordem judicial, a polícia recolheu no local, junto a ERS 717 esta quantidade significante de entorpecentes, que foi pesada e avaliada em mais de R$ 100.000,00, afora armas, munições e equipamentos, além de uma importante quantidade de insumos agrícolas, os quais, em julho do ano passado havia sido subtraído de uma propriedade rural, cujo prejuízo superou os R$ 200 mil.

Segundo a delegada de Polícia Civil de Tapes, Fabiane Bittencourt, o valor apreendido simboliza a maior apreensão em drogas no município.

“Esta diligência de hoje foi uma continuidade a Operação “Manos J”, quando desarticulamos uma das maiores quadrilhas de drogas e outros crimes aqui no município.

Eles, já temerosos, com a atuação policial teriam escondido a droga. No dia apreendemos uma quantidade pequena, e, hoje (4), estabelecemos o local exato onde estavam guardados os entorpecentes do grupo e, via ordem judicial de urgência, fomos até este local”, afirmou a policial.

Além da grande quantidade de drogas, armas, segundo a delegada confirma que esta quadrilha usava um aparato criminoso a qual demonstra que estavam bem equipados “um aparato criminoso, que demonstra que esta quadrilha estava bem organizada”, referiu.

A policial citou que ficou comprovado, por meio das investigações, que o grupo praticava crimes como roubos, como foi o caso dos defensivos agrícolas apreendidos nesta noite, um crime bastante “grave”.polícia

Por fim, confirmou que este material entorpecente deveria ser parte do consumo que iria ser comercializado tanto na cidade, quanto na região de Tapes.

O trabalho da polícia foi realizado com um grupo policial que envolveu mais de 10 policiais, entre civis e militares, em quatro viaturas.

Não houve prisão de suspeitos, mas o trabalho prosseguirá. “As investigações continuamuem, quem sabe, em alguns dias tenham mais prisões”, sinalizou.

Ela salientou o apoio da comunidade: “Agradecemos o carinho e isso é gratificante.

Ficamos tristes quando há pessoas que falam mal do nosso trabalho, mas nossa parceira com a BM, tem resultado um entrosamento muito grande”, destacou a delegada Fabiane.

Foram apreendidos:

1,166 kg de crack

5,824 Kg de maconha

3 balanças de precisão

1 espingarda calibre 12

1 kit Rooney (adaptador para pistolas)

98 cartuchos calibre 12

7 cartuchos calibre 20

18 cartuchos calibre 16

3 munições calibre 38

1 munição calibre 22

Categoria: Polícia
Tags: Apreensão de drogas, Delegada Fabiane Bittencourt, online, Polícia Civil, Tapes

Comentários

Jamir Teixeira em 06/01/2019 00:05:55
Quero parabenizar a policia civil de Tapes, na passoa de sua delegada Dra.Fabiane Bittencourt pelo bom uso da "inteligencia" da polícia, possibilitando sucesso nas operações de maneira a evitar ao máximo o confronto armado.
Parabéns e abraço a todos.

Enviar comentário

voltar para Notícias

left normalcase show fsN tsN fwR|left tsN fwB b03s bsd|left fwR show tsN center|c05||image-wrap|login news b01 fwB tsN fwR tsY c10 bsd|normalcase tsN c05 sbss|normalcase c10|login news b01 normalcase c05 c10 bsd|tsN normalcase c05 sbss|signup|content-inner||