Prefeitos, vices e vereadores são diplomados pela Justiça Eleitoral

Publicado por bira costa em 19/12/2016 às 16h01

Redação Online/Fotos: Bira Costa

Solenidade foi na Câmara de Tapes, habilitando os vencedores ao mandato em seus municípios, a partir do dia (1º) de janeiro de 2017

Diplomação eleitos 2016Os candidatos eleitos nas últimas eleições de (2) de outubro, dos Municípios de Tapes, Sentinela do Sul e de Cerro Grande do Sul receberam, na tarde desta segunda-feira (19), junto a Câmara de Vereadores de Tapes, no Plenário Armando Gross, os respectivos Diplomas, habilitando-os, pela 084ª Zona Eleitoral de Tapes e Região, a exercerem os mandatos de prefeitos, vice e vereadores em seus municípios, no período de 2017/2020.

Compareceram ao ato solene, autoridades do Legislativo, através da vereadora Evânia Nunes, do Comércio, bem como a Excelentíssima Juíza de Direito, Titular da Comarca, Débora de Souza Vissoni, além da Promotora de Justiça Eleitoral, Manuela Paradeda Motanari, mais representantes de Órgão Públicos, como a CEEE, na pessoa do gerente, Braulino Pacheco, Clébio de Sousa Garcia e Bruna Luciane Christofoli Hass, da Junta Eleitoral, familiares e amigos dos diplomados.

A diplomação não teve muitas formalidades, ensejando por parte das autoridades palavras de sucesso aos novos administradores e legisladores, sendo tão logo entregues os diplomas.diplomação

Cerro Grande do Sul

Começando por Cerro Grande do Sul, o prefeito reeleito, Sérgio Silveira da Costa (PMDB), que obteve nas urnas 2.591 votos, destacou em entrevista, que a sua vitória é resultado da aprovação popular, que soube compreender a conduta da Administração Municipal, salientando obras e serviços executados.

Citou que o atual momento do País é de crise, sobretudo, nas instituições políticas, mas, que, buscará melhorar a gestão neste próximo mandato, realizando mais calçamentos e fortalecendo as parcerias.

“Nós não fizemos promessas e buscamos cortar gastos, pois a população cobra nas ruas por melhorias. Mas, estou feliz pelo que realizamos”, afirmou o prefeito reeleito Sérgio da Costa.

cerro grande do sulPor fim, confirmou que não irá mexer, num primeiro momento, com secretarias, seis pastas e, que, mais um desafio será o de ver a ligação asfáltica concluída. Com o prefeito Sérgio, foi diplomada também a vice-prefeita eleita, Marlene Heidrich do (PP).

Sentinela do Sul

Na sequência, o candidato vencedor por Sentinela do Sul, com 1.574 votos, o empresário Flávio Raphaelli Trescastro (PMDB), e, seu vice, Paulo Roberto de Souza Coutinho (PMDB), recebeu das mãos das Magistradas os seus diplomas.

Juntamente com a nova composição da Câmara de Vereadores, o novo governante de Sentinela do Sul se disse muito entusiasmado em poder contribuir com o seu município e, de que, está pronto para governar.

“Sei bem das dificuldades, mas teremos forças, tanto da nossa equipe, quanto junto à sociedade, para fazermos um governo próspero e, que, sobretudo, siga o caminho do desenvolvimento”, anunciou Flávio Trescastro.

Citou que, irá reduzir secretarias, de seis, para quatro, no máximo cinco, “mas vamos fazê-lo conforme o andamento do trabalho”, sublinhou.Sentinela do Sul

Tapes

A diplomação encerrou com a entrega dos documentos ao vencedor das eleições em Tapes, atual prefeito, Silvio Luis da Silva Rafaeli (PDT), que obteve 3.357 votos, tendo como vice, Sérgio Irineu Marocco (PDT).

Rafaeli reafirmou que em seu segundo mandato, irá manter os “pés” no chão. Defendeu que, a crise política e econômica, aliado a um futuro incerto para o Brasil, cobra dos administradores uma postura mais dura, no modo de gerir.

Sobre a composição das secretarias, disse que irá consolidar as pastas, com alguns ajustes ao processo, visando à economia e a austeridade. “Não podemos ter sobressaltos”, apontou.

Tapes cidadeSalientou que, a nova formação de secretários, começará, a partir de janeiro, mas com “calma”. Por fim, questionado a respeito da presença de possíveis nomes, dentre eles, da vereadora, Evânia Nunes (PTB) e de Gelso Volmar Didio (PT), foi claro: “Não descarto, mas posso precisar. Mas, não fiz promessas a ninguém.”

Vereadores eleitos de Cerro Grande do Sul:

Ademilson Passos de Souza (PP) – 205 votos

Alairto dos Santos Raphaelli (PP) – 219 votos

Aroldo Oliveira Lopes (PMDB) – 262 votos

Evaldo dos Santos e Souza (PDT) – 270 votos

Floriano Vaz da Silva (PSDB) -229 votos

João de Deus Oliveira Pinto (PP) – 358 votos

Lizeane Schmidt Schwalm (PP) – 296 votos

Leo Dagmar Koslowski (PMDB) – 361 votos

Vilson Pacheco Júnior (PDT) – 286 votos

Vereadores eleitos de Sentinela do Sul:

Arildo Rodrigues Hein (PMDB) – 140 votos

Denir Vicentina Govoni Kologeski de Souza (PP) – 117 votosdiplomação

Dilvane Correa de Lima (PMDB) – 204 votos

Jacir Raphaelli Bernar (PDT) – 142 votos

Jorge Vitor Almeida Ferreira (PP) – 103 votos

Luiz Antonio Valiente Salamoni (PP) – 124 votos

Márcia Seixas (PMDB) – 140 votos

Nilson Oli Moreira Barbosa (PP) – 199 votos

Vagner Giordani (PDT) – 202 votos

Vereadores eleitos de Tapes:

Cátia Iribarrem Langarai (PMDB) – 240 votos

Eduardo Pecker Simchem (DEM) – 310 votos

Fabiano Dummer (PP) – 331 votos

Laguardia Barreto da Silva (PMDB) – 261 votos

Leonardo Petry de Souza (PDT) – 255 votos

Marcus Vinícius Vigolo (PP) – 467 votos

Rosane Pinzon Garcia (PP) – 445 votos

Sérgio Elvan leite da Silva (PDT) – 364 votos

Verônica Eliane Duarte Alencastro (PDT) – 258 votos  

diplomação

Categoria: Comunidade
Tags: Eleições de 2016, Justiça Eleitoral, online, Prefeitos da Costa Doce, Tapes

Enviar comentário

voltar para Notícias

left normalcase show fsN tsN fwR|left tsN fwB b03s bsd|left fwR show tsN center|c05||image-wrap|login news b01 fwB tsN fwR tsY c10 bsd|normalcase tsN c05 sbss|normalcase c10|login news b01 normalcase c05 c10 bsd|tsN normalcase c05 sbss|signup|content-inner||
Tempo em Tapes