Schirmer apresenta à bancada gaúcha destinação dos recursos de emendas parlamentares para Segurança Pública

Publicado por bira costa em 04/07/2017 às 09h09

Texto: Claiton Silva/Ascom SSP/Edição: Denise Camargo/Secom 

governoA destinação dos recursos das emendas parlamentares referentes à Segurança Pública foi apresentada à bancada gaúcha nesta segunda-feira (3).

O emprego dos R$ 65,8 milhões direcionados pelos deputados federais e senadores do Rio Grande do Sul ao setor foram detalhados pelo secretário Cezar Schirmer em reunião no Departamento de Comando e Controle Integrado (DCCI).

Os 34 parlamentares gaúchos destinaram, cada um, cerca de R$ 1,9 milhão aos municípios, podendo direcionar cotas de R$ 193,5 mil por cada cidade escolhida.

Coube aos municípios a mobilização pelas emendas, sendo possível a uma comunidade receber recursos de mais de um deputado ou senador.

A expectativa do governo do Estado é de que os recursos sejam liberados pela União até meados de novembro.

"Foram ouvidos os representantes locais e respeitadas as necessidades de cada uma das regiões contempladas", falou Schirmer.

O secretário também destacou a colaboração, em virtude do prazo exíguo para a execução dos trabalhos. "Contamos com diálogo aberto com os prefeitos, vereadores e com a bancada gaúcha no Congresso Nacional. Esta pronta resposta durante o processo foi essencial para que pudéssemos cumprir os prazos e garantir os recursos", acrescentou.

Para nortear os investimentos, a SSP definiu seis eixos prioritários de aquisição de equipamentos: cercamento eletrônico, sistema de videomonitoramento, viaturas, armamento, coletes balísticos e rádios para comunicação. A aquisição de soluções tecnológicas aumentou e está na pauta de 45 municípios. Ao todo, 19 cidades implantarão, isoladamente ou em forma de consórcio regional, o cercamento eletrônico. Outras 26 optaram pelo sistema de videomonitoramento.

Para o deputado federal Covatti Filho, o momento serviu para esclarecer como será conduzido o processo. "Tínhamos dúvidas de como o cercamento eletrônico poderia funcionar em um ambiente regional. Além de termos alinhado diversos outros fatores, a reunião foi produtiva no sentido de explicar como este sistema funciona", ressaltou.



Categoria: Polícia
Tags: Governo do RS, online, Sartori, Segurança Pública, Tapes

Enviar comentário

voltar para Notícias

left normalcase show fsN tsN fwR|left tsN fwB b03s bsd|left fwR show tsN center|c05||image-wrap|login news b01 fwB tsN fwR tsY c10 bsd|normalcase tsN c05 sbss|normalcase c10|login news b01 normalcase c05 c10 bsd|tsN normalcase c05 sbss|signup|content-inner||